“Alckmin não é um voo às cegas, ele sabe o que fazer”, diz Betinho Gomes

Notícias - 23/07/2018

Em entrevista a rádio Folha de Pernambuco, nesta segunda-feira (23), o secretário-geral do PSDB no estado, deputado federal Betinho Gomes, ressaltou que um país com a complexidade do Brasil precisa de um presidente com experiências política e administrativa para conduzir o Brasil ao caminho em torno do crescimento.

“Geraldo é mais preparado, mais experiente, sabe o que fazer, não é uma aventura. Alckmin não é um voo às cegas, é alguém que sabe o que fazer. É correto, honesto, e que certamente vai ser importante para o Brasil nesse momento de turbulências. Não precisamos de incendiários no governo, não precisamos de gente que divida mais o país, mas que o pacifique”, ponderou.

Para Betinho Gomes, o cenário pré-eleitoral – com a postulação de vários candidatos a governar o Brasil – tenderá a ser reduzido em torno mais uma vez de uma polarização entre o PSDB e PT na medida em que a campanha começar.

“A candidatura de Bolsonaro tende a se fragilizar. As candidaturas de Marina (Silva) e Ciro (Gomes) também devem ser ‘engolidas’ por essas alianças que estão se montando em favor da candidatura de Geraldo Alckmin. Meu sentimento é que teremos novamente uma polarização PSDB e PT. Esse debate ficará mais claro a partir do momento em que se estabelecer a campanha propriamente dita”, avaliou.

O tucano destacou que no modelo de presidencialismo de coalizão brasileiro, as alianças políticas são imprescindíveis para se ter governabilidade. “Foi assim nos governos Lula, Dilma, Fernando Henrique…As alianças são necessárias para que possamos propor ao Congresso mudanças que possam mudar o ambiente. Sem aliança, é uma aventura. Muita gente se coloca como salvador da Pátria, fazendo discurso demagógico e populista de que governará sozinho. O Brasil precisa de governabilidade”.


X
23/07/2018
Charges