Com extensa atuação na Câmara, Hauly busca 8º mandato consecutivo como deputado

Notícias - 30/08/2018

Com um legado extenso e a experiência de quem está no seu sétimo mandato consecutivo na Câmara Federal, o deputado Luiz Carlos Hauly (PSDB-PR) busca agora a reeleição pela oitava vez na Casa. Formado em Economia e Educação Física pela Universidade Estadual de Londrina (UEL), Hauly já foi vereador, prefeito e se tornou uma expoente liderança política ao participar ativamente da luta pela redemocratização do Brasil.

Nascido em Cambé, no Norte do Paraná, o tucano iniciou sua carreira política em 1972. Com apenas 22 anos, foi eleito vereador na sua cidade natal. Ele obteve a maior votação, 12,5% dos votos válidos, e foi líder do partido na Câmara Municipal até 1976.

Em 1982, foi eleito prefeito de Cambé. Sua gestão foi marcada pela participação da comunidade e importantes avanços, sendo pioneiro em ações de descentralização da Saúde (SUS e Plano Incremental Odontológico/Clínica do Bebê), democratização da Educação (Escola de período integral, eleições diretas para Diretoras de Escola e Educação Física/Escolinhas nas Escolas Municipais), além do incentivo à recuperação e industrialização.

Como decorrência do seu trabalho à frente da prefeitura, assumiu, entre 1987 e 1990, a Secretaria de Estado da Fazenda (SEFA) do Paraná.

Foi eleito deputado federal pela primeira vez em 1991 e reeleito consecutivamente em 1994, 1998, 2002, 2006, 2010 e 2014. Em 1994, tornou-se líder na Câmara, defendeu o fim do monopólio das telecomunicações e foi um dos líderes parlamentares na defesa da implantação do Plano Real.

Em 1996, ao se filiar ao PSDB, tornou-se o líder governista no Congresso e atuou de forma decisiva na intermediação do apoio de grupos corporativistas na Câmara ao projeto de reforma do presidente.

Sua atuação como formulador, articulador e debatedor é reconhecida pelo Departamento Intersindical de Assessoramento Parlamentar (Diap) como “Cabeça do Congresso”. O site independente Ranking Político o escolheu como melhor deputado em 2017 entre os 513 deputados e o segundo colocado entre os 594 Senadores e Deputados.

Já foi presidente do Instituto Teotônio Vilela (ITV), órgão de estudos e formação política vinculado ao PSDB, presidente do diretório municipal do PSDB em Londrina e primeiro-secretário da comissão executiva nacional do partido entre 1999 e 2001. Entre 2002 e 2005, foi vice-líder do partido na Câmara.

Presidiu o ParlAméricas – Parlamento dos 35 Países das Américas com sede em Ottawa entre 2006 e 2011. Em janeiro de 2010, assumiu pela segunda vez a Secretaria Estadual de Fazenda do Paraná. Na campanha de 2014 para a 7ª Legislatura, obteve 86.439 votos.

*Reportagem: Clarissa Lemgruber

X
30/08/2018
Charges