Depois de chegar como suplente ao Senado, Ataídes busca agora segundo mandato

Notícias - 15/08/2018
Foto: divulgação

Filho de trabalhador rural do interior de Goiás, na divisa com o Tocantins, Ataídes Oliveira (PSDB-TO) chegou ao Senado em 2013 como suplente do senador João Ribeiro, falecido naquela ano. Sua origem humilde, garante, aliada a uma carreira bem-sucedida no ramo de consórcios, construção civil e revenda de veículos serviram de base no empenho em contribuir no Congresso Nacional com a melhoria das condições de vida do brasileiro. Presidente do PSDB do Tocantins desde 2015, ele agora tenta a reeleição em outubro.

Formado em contabilidade e direito, Ataídes Oliveira atuou como professor universitário e advogado tributarista antes de iniciar sua carreira pública no Senado, onde se destacou como uma das vozes mais firmes contra a corrupção e a impunidade.

Ataídes criou e presidiu três Comissões Parlamentares de Inquérito no Senado, foi vice-presidente da Comissão de Meio Ambiente, Defesa do Consumidor, Fiscalização e Controle (CMA) e hoje preside a Comissão de Transparência, Governança, Fiscalização e Controle e Defesa do Consumidor.

Seu trabalho pelo Senado passa também pela defesa de políticas públicas a favor das mulheres. O senador é autor do projeto de lei que garante redução de até 25% da jornada de trabalho para mulheres que estão amamentando (PLS 162/16) e do projeto que garante a mulheres vítimas de violência doméstica cursos gratuitos de qualificação profissional (PLS 233/13) – matéria aprovada pela Casa.

X
15/08/2018
Charges