Em convenção de Gravatá, PSDB reforça Bruno Araújo para representar o partido em 2018

Imprensa - 10/10/2017

O PSDB de Gravatá (PE) reconduziu Maria de Fátima Felix à presidência do partido no município em convenção realizada neste domingo (8/10) na Câmara de Vereadores. Marcaram presenças no evento o ministro das Cidades, Bruno Araújo (PSDB-PE); o presidente do PSDB de Pernambuco, deputado Antônio Moraes; a presidente do PSDB Mulher-PE, deputada Terezinha Nunes; o presidente da Juventude tucana no Estado, Rodrigo Barros; o presidente da Câmara, Leo do Ar; o prefeito de Gravatá, Joaquim Neto (PSDB-PE) e demais lideranças locais. Também compareceram à convenção representantes de outros partidos como o PRB, PMDB, PRTB, PSB, PSD, PSL e PEN.

Em seu discurso, Joaquim Neto ressaltou que o PSDB “tem muito a contribuir com Pernambuco e com o Brasil” e destacou o nome do ministro Bruno Araújo como “o melhor para disputar a eleição ao governo em 2018”. “Gravatá teve a honra de fazer o primeiro prefeito do Brasil e queremos mostrar que o partido pode acrescentar a Pernambuco e ao país. O PSDB tem o melhor nome para disputar a eleição ao governo do Estado que é o ministro Bruno Araújo. Com o poder de articulação e com o respeito que o ministro adquiriu ao longo desses anos com seu trabalho, não há melhor nome para ser governador do Estado”, defendeu.

O ministro Bruno Araújo pontuou que o PSDB vem avançando num “processo de diálogo” com importantes lideranças do Estado. Citou, entre elas, os senadores Armando Monteiro e Fernando Bezerra, e os ministros Mendonça Filho, Raul Jungmann e Fernando Bezerra Filho. Segundo Bruno, o diálogo entre esses quadros não está sendo conduzido em torno de cargos numa eventual chapa conjunta para as eleições de 2018.

“Vamos acentuar esse processo de pactuação de um novo Pernambuco a partir de como todos enxergam soluções para os problemas  como o grave desmando da segurança por exemplo. Somos e podemos ser um catalisador para devolver uma esperança, para que Pernambuco volte a ter o protagonismo de comando e liderança nacionais. Para nós não é suficiente que Pernambuco tenha quatro ministros. Isso é importante, ajuda muito o Estado, mas Pernambuco precisa voltar a ter sua liderança própria, o seu mandatário, que tenha o tamanho da nossa história política no cenário nacional”, frisou.

Disse o ministro, que ainda “há um longo caminho” a ser percorrido por essas forças que se entendem e se unem em torno de um novo projeto para o Estado. E que nessa caminhada, “as coisas que precisam ser feitas e debatidas serão feitas com muita clareza e coragem” na eleição do próximo ano.

“Vamos fazer isso num grande processo de discussão, de compartilhamento. O momento é de juntar energia e ter consciência da missão que a gente tem. Portanto, meus amigos do PSDB e de outros partidos que aqui nos prestigiam, o exercício da boa política aqui praticado é algo que vai nos unir nessa missão. Se daqui de Gravatá, um dia saiu o primeiro prefeito do PSDB no Brasil, daqui de Gravatá, a partir dessa convenção, pode sair o primeiro governador do PSDB em Pernambuco. Eu não me furtarei”, comprometeu-se o ministro.

O presidente estadual do PSDB, Antônio Moraes, registrou o crescimento do partido nas últimas eleições e projetou um fortalecimento ainda maior da legenda sob o comando do ministro Bruno Araújo.  “Nós perdermos um grande líder, nosso ex-presidente Sérgio Guerra, mas o partido cresceu em número de prefeitos. O PSDB foi o segundo maior partido em votação na última eleição em Pernambuco. Isso demonstra que o partido está vivo, que vamos crescer ainda mais com o ministro Bruno Araújo na presidência”, disse Moraes.

Representando o segmento Mulher do PSDB na convenção, a deputada Terezinha Nunes deu destaque para as boas gestões tucanas no Estado a exemplo do que faz o prefeito Joaquim Neto, novamente reconduzido à prefeitura de Gravatá. “Joaquim é uma pessoa dedicada 24 horas por dia à Gravatá. Quando Jarbas era governador, e eu secretária, não havia um dia que Joaquim não chegasse com algum secretário lutando por recursos para o município. Para mim isso é uma demonstração do amor que ele tem por essa cidade e por seu povo. Joaquim expressa a forma de gestão do PSDB. Uma gestão que valoriza também as mulheres. Em seu governo há uma secretaria da mulher, o que demonstra sua sensibilidade”.

X
10/10/2017
Charges