Fiscalização em Maceió (AL) reduz acidentes com motos

As ações contam com apoio do prefeito de Maceió (AL), Rui Palmeira (PSDB-AL).

Notícias - 11/09/2017

A Superintendência Municipal de Transporte e Trânsito (SMTT) de Maceió (AL) registrou este ano 50 acidentes a menos envolvendo motociclistas, na comparação com o mesmo o período de 2016. Foram 419 acidentes registrados até julho deste ano e 469 no ano passado.

Mas, segundo o órgão, o número ainda é preocupante e a intensificação das ações educativas e de fiscalização são as principais formas encontradas para orientar os condutores de duas rodas sobre as consequências quase sempre fatais de pilotar sem as devidas precauções.

Entre as ações estão as campanhas voltadas para motociclistas como a realizada durante o Maio Amarelo, quando condutores tiveram acesso à manutenção dos veículos e orientação sobre a importância dos equipamentos de segurança e comportamento no trânsito.

As ações contam com apoio do prefeito de Maceió (AL), Rui Palmeira (PSDB-AL).

“A SMTT tem notado uma mudança de comportamento desses condutores. Eles não se importavam em utilizar os equipamentos de segurança, mas hoje em dia, através das fiscalizações e remoções dos veículos, temos observado um maior cuidado”, explicou o assessor técnico de Trânsito da SMTT, Wanderson Freitas.

Outra iniciativa da Prefeitura de Maceió, por meio da SMTT, foi a implantação de uma área de espera exclusiva para os motociclistas na Avenida Fernandes Lima, próximo à Praça do Centenário.

O espaço delimitado indica a preferência das motocicletas à frente dos carros e atrás da faixa de pedestre. Na abertura do sinal verde, as motos saem primeiro com mais segurança.

Fiscalização surte efeito

Até o mês de agosto deste ano, 669 motos e ciclomotores foram recolhidos ao pátio da SMTT. No mesmo período do ano passado foram 888.

A redução também mostra a mudança de comportamento dos motociclistas. Na Rua Cincinato Pinto, no Centro de Maceió, eles eram flagrados diariamente estacionados em calçadas, impedindo a passagem de pedestres.

O excesso de velocidade é a campeã das infrações cometidas por estes condutores. A infração pode variar entre média e gravíssima.

“Infelizmente, mesmo com todas as ações de educação no trânsito, há condutores que ainda insistem em colocar a própria vida e a dos passageiros em risco”, comenta Freitas.

*Com informações do Portal da Prefeitura de Maceió (AL).


X
11/09/2017
Charges