José Reinaldo coloca sua experiência política para concorrer ao Senado Federal

Notícias - 21/08/2018

Cidadão honorário de vários estados e municípios brasileiros devido aos serviços prestados durante sua longa trajetória pública, José Reinaldo Tavares filiou-se ao PSDB para concorrer ao Senado Federal no pleito de 2018 e colocar sua experiência política à favor da coligação “Coragem e União para Fazer um Maranhão Melhor”.

Nascido em 1939 em São Luís, no Maranhão, formou-se Engenheiro Civil pela Universidade Federal do Ceará (UFC) em 1964. Posteriormente, realizou ainda extensão universitária em Economia Rodoviária pela Pontifícia Universidade Católica (PUC) do Rio de Janeiro.

De volta ao seu estado natal, em 1969 José Reinaldo foi nomeado diretor-geral do Departamento de Estradas de Rodagem do Maranhão (DER-MA) pelo então governador José Sarney (1966-1970).

Em 1971, passou a comandar a Secretaria de Planejamento do estado, cargo que exerceu até 1974. No ano seguinte, mudou-se para Brasília, onde se tornou superintendente da Companhia Urbanizadora da Nova Capital (Novacap). Na capital federal, foi ainda secretário de Viação e Obras Públicas.

José Reinaldo também atuou como Ministro dos Transportes durante quatro anos. Em 1990, concorreu pela ao cargo de deputado federal pelo Maranhão, sendo eleito para o seu primeiro mandato na Câmara dos Deputados. Em 1995, se elegeu como vice-governador do estado natal, sendo reeleito em 1998.

Em 2002, o político tucano concorreu e venceu à corrida eleitoral ao governo do Maranhão. Em 2014, voltou e se eleger no Poder Legislativo como deputado federal, cargo que ocupa até a atualidade. Na atual legislatura, é titular na Comissão de Minas e Energia da Câmara dos Deputados.

Na pasta, atuou na autoria do Projeto de Lei Complementar 146/2015, que visa incluir os empreendimentos do setor de energia elétrica entre as prioridades de investimentos com recursos do Fundo de Desenvolvimento do Nordeste (FDNE).

Reportagem Danilo Queiroz

X
21/08/2018
Charges