PSDB lança 12 candidatos a governador nas cinco regiões do país

Notícias - 09/08/2018

O PSDB terá 12 candidatos a governador nas eleições deste ano. O partido contará ainda com oito candidatos para vice, entre eles três mulheres. A legenda busca reforçar sua participação nas eleições com o propósito de fortalecer os legados de administrações tucanas, além de integrar novas propostas ao plano de governo do candidato à Presidência Geraldo Alckmin. O partido também conta com três tucanos disputando a reeleição: Pedro Taques no Mato Grosso, Reinaldo Azambuja no Mato Grosso do Sul e José Eliton em Goiás.

O PSDB tentará repetir o que ocorreu em 2010, quando foi a única legenda a eleger governadores em todas as regiões do país. Em 2014, dos 12 candidatos tucanos presentes na disputa, cinco foram eleitos. Em 2015, o governador eleito do Mato Grosso, Pedro Taques, se filiou ao PSDB.

Todas as regiões terão representantes do PSDB na disputa por cargos majoritários. Na região Norte, o partido contará com dois representantes na disputa pelo governo e quatro para vice. O ex-senador Expedito Júnior (RO) e o ex-governador José de Anchieta (RR) disputarão o governo. Para vice, a sigla conta com as candidaturas do deputado federal Rocha, no Acre, o deputado federal Arthur Virgílio Bisneto, no Amazonas, o vereador Maurício Carvalho, em Rondônia, e o empresário Oswaldo Stival Júnior, em Tocantins.

No Nordeste, serão quatro candidatos ao governo estadual e três para vice. Disputarão o cargo principal Guilherme Theophilo, conhecido como general Theophilo, no Ceará, o senador Roberto Rocha no Maranhão, o deputado estadual Luciano Nunes no Piauí e o senador Eduardo Amorim em Sergipe. Para vice, o partido contará com o vereador Kelmann Vieira em Alagoas, a médica Mônica Bahia na Bahia e Michelline Moura na Paraíba.

No Centro-Oeste, os governadores José Eliton, Reinaldo Azambuja e Pedro Taques buscam a reeleição em Goiás, Mato Grosso do Sul e Mato Grosso respectivamente. A ex-deputada federal Raquel Teixeira disputa a vice-governadoria em Goiás.

No Sudeste, a legenda terá o ex-prefeito João Dória em São Paulo e o senador Antonio Anastasia em Minas Gerais.

No Sul, o ex-prefeito de Pelotas Eduardo Leite disputa o governo do Rio Grande do Sul.

X
09/08/2018
Charges