Ribeirão Preto ganhou 24 novos MEIs por dia em janeiro

Notícias - 07/03/2019
Foto: EBC

O município de Ribeirão Preto, administrado pelo tucano Duarte Nogueira, ganhou por dia no mês de janeiro 24 novos micro negócios individuais. De acordo com o levantamento do Portal do Empreendedor, a cidade já tem 37.333 Microempreendedores Individuais (MEIs) em atividade e o crescimento desse mercado foi de 113% nos últimos seis anos.

Se no mercado de trabalho com carteira assinada o ritmo começou lento, com queda de 67% no saldo de empregos criados em janeiro, para quem abriu o próprio negócio o cenário é bem diferente.

Entre os 755 MEIs que se formalizaram em janeiro está o estudante de educação física Leonardo Gomide, que fez a inscrição no programa para atuar no mercado de recreação e eventos. “Foi uma forma de entrarmos no mercado sem burocracia e com a prestação do serviço regulamentada”, conta.

“A formalização da atividade microempreendedora individual é muito importante, pois quando ela ocorre, os empregos e a renda gerados passam a contribuir com a arrecadação dos impostos municipais, e consequentemente, com o desenvolvimento da economia local. Ribeirão Preto tem se destacado nesse mercado porque tem uma renda potencial”, explica o economista Edgard Monforte Merlo, professor da FEA-RP/USP.

Ribeirão Preto já é a quarta no ranking estadual da formalização desses negócios, atrás apenas da capital, Campinas e Guarulhos.

“Esse crescimento dos negócios ocorre pois existe demanda por serviços na cidade. A expansão dos MEI também é muito importante porque essas são atividades intensivas em trabalho, ou seja, grandes geradoras de emprego de uma forma simplificada”, diz o economista Edgard Monforte Merlo.

Leonardo e a amiga Giovanna Amaro, que trabalha na microempresa, começaram o ano com o novo negócio e alta demanda por conta das férias escolares.

“Desenvolvemos atividades em festas e condomínios da cidade, que sempre procuram por profissionais formalizados, por isso o MEI foi importante, pois precisamos emitir a nota fiscal para a prestação do serviço”, explicam os estudantes.

A categoria em que o micro negócio se enquadra, a de serviços de organização de festas, é uma das 15 com mais MEIs registrados em Ribeirão Preto.

Do portal de notícias Revide, com alterações

X
07/03/2019
Charges