Notícias - 20/03/2017

São Paulo se destaca em ranking de saneamento básico

O Estado de São Paulo abriga algumas das cidades com o melhor índice de saneamento básico do país. É o caso de Franca, que tem 100% de água tratada e 100% de tratamento e coleta de esgoto, e foi indicada pela quarta vez consecutiva pelo levantamento da organização Trata Brasil, como o município que mais se destaca nesse particular.

Outros municípios paulistas servidos pela Sabesp estão entre as 20 melhores cidades em saneamento básico. São eles: São José dos Campos, Santos, Suzano, Taubaté e São Paulo, que é a segunda capital mais bem colocada. O diagnóstico dos principais indicadores de saneamento básico dos 100 maiores municípios (em população) leva em consideração o SNIS 2015, do Ministério das Cidades.

A universalização dos serviços de saneamento básico em Franca remonta a 1998. Hoje, com 340 mil habitantes, a cidade foi uma das primeiras desse porte no Brasil a atingir a excelência de atendimento em saneamento básico. Está em construção no momento, um novo sistema produtor de água no município. Previsto para entrar em operação ainda este ano, ele vai garantir o abastecimento para a população nas próximas décadas.

A preocupação com o meio ambiente vem acompanhada pela tecnologia. Em Franca, a Sabesp recebeu do Instituto Fraunhofer, da Alemanha, um equipamento para transformar o gás de esgoto em combustível para veículos, que será utilizado na frota da companhia.

As 20 mais
Em São Paulo, a segunda capital com mais avanços na área de saneamento, Sabesp e Prefeitura estão retomando o programa Nossa Guarapiranga, com a instalação de ecobarreiras para evitar que o lixo contamine o manancial. A parceria também envolve iniciativas de limpeza, retirada de resíduos e conservação do espelho d’água da represa e de suas margens.

Outra ação é o programa Córrego Limpo, para melhorar a qualidade da água dos córregos da cidade, impedindo o lançamento de esgotos, do lixo e da carga difusa em seus leitos. O programa é desenvolvido por ações técnicas e operacionais. Já foram despoluídos 148 córregos, desde a implantação do programa, em 2007.

Entre as cidades com mais de 600 mil habitantes, São José dos Campos, no Vale do Paraíba subiu quatro posições no ranking de 2017, passando para o 3º lugar. O município universalizou o sistema em outubro de 2016 e atualmente conta com 96% de coleta e 99% de tratamento de esgotos.

No ranking de 2017, Santos, no litoral paulista, está no 4º lugar (era o 5 º) e está desde o início entre os 10 municípios com o melhor sistema de saneamento básico do país. A cidade de Suzano, na Região Metropolitana de São Paulo, subiu da 27ª posição para a 12ª, com 100% de abastecimento de água, 86% de coleta e 70% de tratamento de esgoto. Em 14º lugar (estava na 20ª posição), vem o município de Taubaté, também no Vale do Paraíba.

Do portal do governo do estado

X
17/08/2017
Charges