Azambuja entrega carros para atendimento aos pequenos agricultores

PSDB pelo Brasil - 18/08/2017

Campo Grande (MS) – O atendimento aos pequenos agricultores no Mato Grosso do Sul vai ser reforçado com a chegada de novos investimentos, como os novos carros entregues às unidades da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (Agraer) de 25 municípios. As aquisições custaram R$ 1,1 milhão, sendo R$ 1 milhão do Governo Federal, via Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário, e R$ 100 mil contrapartida do Estado. Ao participar da solenidade de entrega dos novos veículos no pátio da Agraer na Capital, o delegado Federal de Desenvolvimento Agrário, Dorival Betini, anunciou que até o final do ano deverão ser entregues mais 25 carros.

O governador Reinaldo Azambuja (PSDB) assinalou que, em parceria com o Governo Federal e apoio da bancada do Estado em Brasília, a administração estadual vem conseguindo equipamentos para melhorar o atendimento aos pequenos agricultores. Para ele, o maior desafio agora é viabilizar economicamente essas famílias.

“É possível, através da organização do sistema, possibilitar ao pequeno produtor que ele tenha produção, mercado e renda, porque é a renda que faz o pequeno produtor permanecer na sua propriedade. Se não tiver renda, ele migra de volta para a cidade, porque ele não consegue sustentar a sua família”, afirmou o governador, acrescentando que para isso é preciso que governo e prefeituras trabalhem juntos.

E foi com esse objetivo que o Governo do Estado e a Prefeitura de Campo Grande assinaram termo de cooperação técnica para atender os cerca de 1.200 pequenos agricultores da Capital. “Há muitos anos não se via Prefeitura e Governo caminhando lado a lado, em harmonia. Isso gera segurança para quem quer investir, e investimento gera emprego e desenvolvimento”, enfatizou o prefeito da Capital, Marquinhos Trad.

Outro que destacou a importância do trabalho conjunto foi o prefeito de Ivinhema, Éder Wilson França Lima. Segundo ele, esses investimentos do governo na Agraer possibilita o fortalecimento da agricultura familiar, que para os municípios do interior é fundamental. No município, existem 2 mil pequenos agricultores que se dedicam à produção de frutas, principalmente.

O prefeito disse que atualmente a Agraer ocupa o mesmo prédio da Secretaria Municipal de Agricultura. Antes, a Agência Estadual ocupava prédio alugado e de tempos em tempos mudava de endereço. “Assinamos um termo de cessão de uso por 20 anos, então durante esse perído os dois órgãos estarão trabalhando de forma integrada.

Éder Lima comentou que esse procedimento garantiu agilidade no atendimento. Segundo ele, no caso da realização do serviço de curva de nível, por exemplo, o produtor tinha que procurar a Secretaria e depois se dirigir até a Agraer para agendar o serviço. “Hoje isso é feito tudo no mesmo lugar”, afirma.

O trabalho conjunto tem contribuído também para que os pequenos agricultores pratiquem a diversificação de culturas. Citou o exemplo da produção de urucum, usado como corante natural. Neste ano, a expectativa é de que sejam colhidas 300 toneladas do produto. Boa parte dessa produção tem como destino duas fábricas do interior de São Paulo.

Ao falar sobre os investimentos da Secretaria Especial de Agricultura Familiar e Desenvolvimento Agrário, Dorival Betini afirmou que o Governo Federal vem destinando recursos para a Agraer pelo trabalho realizado pela Agência e também pela solidez fiscal e administrativa do governo estadual.

“Estamos fazendo esse trabalho pela seriedade do trabalho realizado pela Agraer e do governo de Reinaldo Azambuja, e por conta disso o Governo Federal tem reconhecido isso com os repasses de recursos. Enquanto outros estados estão com dificuldade em obter repasse, o Mato Grosso do Sul está conseguindo renovar os contratos, e isso já é uma grande vantagem nesse momento difícil de recursos”, declarou Betini.

* Do Governo do Mato Grosso do Sul


X
18/08/2017
Charges