Aécio defende aprovação de PEC da reforma política até março

Imprensa - 29/11/2016

O presidente nacional do PSDB, senador Aécio Neves, fez, nesta terça-feira (29), um apelo ao Congresso Nacional pela aprovação da proposta de reforma política (PEC 36) até março do ano que vem.

Durante debate promovido pelo Conselho Federal da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB), em Brasília, Aécio defendeu a proposta de emenda constitucional de sua autoria e do senador Ricardo Ferraço (PSDB/ES), já aprovada pelo Senado e que depende agora de votação da Câmara dos Deputados

A PEC acaba com as coligações nas eleições de vereadores e deputados e muda regras de funcionamento dos partidos, combatendo as chamadas legendas de aluguel.

“Não é possível que alguém acredite que possamos viver num país com, aptos a disputar as eleições, não aos 35 (partidos) de hoje, mas os 60 que estarão aptos em 2018, se nada for feito até setembro do ano que vem. Se essa proposta não for aprovada na Câmara dos Deputados no início do ano que vem, não haverá tempo para que outra seja aprovada em tempo hábil. Além dos 35 partidos hoje registrados no Tribunal Superior Eleitoral, 31 outros estão a caminho da sua regularização”, afirmou Aécio

Segue trecho de palestra do senador Aécio Neves nesta terça-feira, na sede do Conselho Federal da OAB.


X
29/11/2016
Charges