Filie-se
PSDB – AM
PSDB – AM


Prefeitura de Manaus promove mutirão de saúde para marcar o Dia da Consciência Negra

25 de novembro de 2015
Email Share

Arthur Virgilio Foto George Gianni PSDBA Prefeitura de Manaus vai promover no próximo sábado, 14, um mutirão de saúde da população negra. Os serviços serão oferecidos na Igreja Católica de São Geraldo, das 8h às 16h, na avenida Constantino Nery, bairro São Geraldo. O mutirão faz parte das comemorações pelo Dia Nacional da Consciência Negra, 20 de novembro, data dedicada à reflexão sobre a inserção da população negra na sociedade brasileira.

“As ações voltadas para a saúde da população negra acontecem durante todo o ano nas unidades de saúde, seguindo as diretrizes da Política Nacional de Saúde Integral da População Negra, instituída em 2009, embasada nos princípios constitucionais de igualdade, cidadania e dignidade da pessoa humana e do repúdio ao racismo”, informou o secretário municipal de Saúde, Homero de Miranda Leão.

A meta do mutirão é atender até 250 pessoas, com oferta de consultas médicas, exames preventivos de câncer do colo de útero (papanicolau), aferição de pressão arterial, orientações nutricionais, vacinação, teste rápido para HIV, distribuição de preservativos, atividades recreativas e culturais, palestras sobre Saúde Bucal, Saúde da Mulher, Saúde do Homem, Hipertensão e Diabetes.

De acordo com a técnica responsável pelo Programa de Saúde da População Negra no Distrito de Saúde Sul, que coordena o evento, enfermeira Marie Kétly Vibert Franceschi, o mutirão é uma forma de chamar a atenção da população sobre a importância da promoção da saúde integral da população negra, priorizando a redução das desigualdades étnico-raciais, o combate ao racismo e à discriminação nas instituições e serviços do Sistema Único de Saúde (SUS).

“As ações executadas pelo SUS têm como meta garantir e ampliar o acesso da população negra aos serviços de saúde, buscando ainda combater o chamado racismo institucional, que coloca pessoas de determinados grupos raciais ou étnicos em situação de desvantagem no acesso aos benefícios gerados pelas ações das instituições e organizações”, destacou a enfermeira.

Do portal da prefeitura de Manaus

Compartilhe!

Assine nossa Newsletter