Filie-se
PSDB – MS
PSDB – MS

História

Foi durante a Assembleia Nacional Constituinte que um grupo de deputados e senadores formou uma dissidência do PMDB e com o apoio de parlamentares de outras siglas criaram o projeto de um novo partido político, onde a democracia seria valor fundamental de seus princípios ideológicos. Aos poucos essa proposta cresceu e conquistou lideranças políticas de todas as regiões do país.

Foi então que, em 25 de junho de 1988, em meio aos trabalhos da Assembleia Nacional Constituinte, os descontentes com o PMDB que se assumiram politicamente mais à esquerda criaram o PSDB – Partido da Social Democracia Brasileira.

Entre os fundadores do novo partido estavam Fernando Henrique Cardoso, José Serra, Franco Montoro, Mário Covas, José Richa, Sérgio Motta, Geraldo Alckmin, Aécio Neves, Arthur Virgílio, Pimenta da Veiga, Tasso Jereissati, entre outros.

De caráter reformista e de vanguarda, o PSDB foi organizado em torno de princípios como a defesa dos direitos civis, o enfrentamento das desigualdades sociais, a livre iniciativa e a eficiência administrativa.

Franco Montoro, quando apresentou o PSDB à sociedade, resumiu a alma do partido com a frase: “longe das benesses oficiais, mas perto do pulsar das ruas, nasce o novo partido”.

Em Mato Grosso do Sul, lideranças de prestígio inquestionável foram se alinhando às ideias da Social Democracia e deixaram seus nomes à disposição para levar a bandeira tucana ao Estado. A primeira incursão do PSDB em Mato Grosso do Sul aconteceu durante um ato politico na Câmara Municipal de Campo Grande no dia 30 de julho de 1988. Lideranças nacionais do partido, com Mario Covas e José Richa, acompanhados de políticos e personalidades locais, apresentaram o partido aos sul-mato-grossenses.

Na ocasião, Mario Covas disse que “o Brasil não tinha governo e sim desgoverno e que a solução para a mudança seria as pessoas lutarem ao lado do PSDB para buscar o caminho da salvação nacional”. Depois desse ato, os novos tucanos de Mato Grosso do Sul começaram a organizar o partido. Na eleição de 1988, mesmo não sendo constituído oficialmente no Estado, o PSDB se beneficiou por uma Lei que permitia aos novos partidos, disputar a eleição  municipal daquele ano.

Foi uma corrida contra o tempo para buscar nomes e formar chapas. Nessa eleição, o partido em Mato Grosso do Sul elegeu seu primeiro prefeito. Foi Daudt Conceição, do município de Mundo Novo, que venceu a corrida com apenas 77 votos de diferença. Também elegeu vereadores em Aquidauana (Carlos Gentil Vasconcelos), Anastácio (Manoel Luiz da Silva), Caarapó (Francisco José da Silva) e São Gabriel do Oeste (Clóvis Fronza Fontana).

Passado o período eleitoral, os tucanos passaram a buscar novos filiados e aumentar o número de lideranças. No dia 18 de maio de 1989, 30 anos atrás, foi formada a primeira comissão provisória do PSDB nas terras pantaneiras. O então deputado federal Saulo Queiroz foi conduzido à presidência do partido.

O deputado federal Juarez Marques Batista, Oswaldo Vieira de Andrade, Renato Sergio Biazus, Orlando Aparecido Pascoto, Cláudio Luiz Agostin e Jair Boni Cogo também receberam a responsabilidade de integrar a comissão e coordenador o ninho sul-mato-grossense.