Notícias - 08/10/2018

“Uma vitória coletiva”, diz Yeda Crusius sobre o aumento da bancada feminina nas eleições 2018

A presidente do PSDB-Mulher, deputada federal Yeda Crusius (RS), elogiou o desempenho das candidatas tucanas nas eleições do último domingo (7). Ela atribuiu o aumento de 41% da bancada feminina ao trabalho de capacitação realizado pelo secretariado ao longo dos anos e ao suporte da Comissão Eleitoral à todas que decidiram concorrer a um cargo eletivo. Ao todo, o partido elegeu 24 candidatas: 8 deputadas federais e 16 deputadas estaduais, além da senadora Mara Gabrilli em São Paulo.

“Esse resultado mostra como é importante o apoio dado às mulheres nas campanhas eleitorais porque além do crescimento na Câmara e nas Assembleias Legislativas, nós tivemos uma senadora do porte da Mara Gabrilli eleita por São Paulo”, comemorou.

A presidente do segmento considerou o aumento das eleitas uma vitória coletiva e pretende, como líder do PSDB-Mulher, dar continuidade ao trabalho já iniciado com as tucanas de todo o Brasil. “Nossa luta permanente em defesa da igualdade na política me preenche”, completou.

A tucana também destacou o aumento do número das candidaturas registradas no pleito deste ano. Para ela, o fato representa uma revolução na consciência política das brasileiras e abre precedente para um avanço ainda maior nas eleições municipais de 2020.

“Tivemos uma eleição totalmente diferente de tudo que a gente já tinha visto. Eu considero que tivemos uma pequena revolução e ela tem que ter continuidade. É preciso já começar a preparação para as próximas eleições”, aconselhou.

Em 2018, as candidatas contaram com os 30% dos recursos do fundo partidário para as campanhas de candidatas femininas, conforme decidiu o Supremo Tribunal Federal (STF). O PSDB foi o primeiro partido a homologar o benefício em prol das candidaturas femininas.

Comparativo

Nas eleições de 2018, a bancada de deputadas federais cresceu 60% em comparação com 2014. O número de eleitas passou de 5 para 8. Em comparação com as eleições de 2014, o número de deputadas estaduais passou de 12 para 16, o que representa um aumento de 33%.

PSDB-Mulher 2019

Yeda Crusius também falou sobre os planos para o secretariado em 2019. Segundo ela, já foram acordados com a Fundação Konrad Adenauer cursos de capacitação para aquelas que irão exercer mandatos no ano que vem. “Daqui por diante é preparar as eleitas através da parceria com a KAS que vem contribuindo para o aumento considerável da representatividade feminina dentro do PSDB”, concluiu.

Reportagem Tainã Gomes de Matos 

X
18/10/2018