Filie-se
PSDB – PE
PSDB – PE

Com experiência como deputado e ex-ministro, Bruno pode ser o mais jovem senador de PE

20 de agosto de 2018
Email Share

Com cinco mandatos de deputado – dois de estadual e três de federal – o presidente do PSDB de Pernambuco, Bruno Araújo, parte para sua primeira disputa majoritária nas eleições deste ano, podendo se tornar o senador mais jovem de Pernambuco. O tucano é um dos candidatos ao Senado na Frente das Oposições “Pernambuco Vai Mudar”, encabeçada pelo candidato ao governo Armando Monteiro (PTB).

“Já cumpri meu papel como deputado. Disse sim (à disputa ao Senado) porque a vida pública não é feita de acomodação. Mas de motivação. E eu tenho motivação para ajudar meu estado. Nessa construção, vamos oferecer o que há de melhor: nossa experiência, nosso trabalho. Nos juntamos para dar aos pernambucanos a oportunidade de ter um governador altivo”, justificou o tucano na ocasião em que foi lançado à disputa para o Senado.

Bruno Araújo foi eleito deputado estadual pela primeira vez aos 26 anos, em 1988. Renovou o mandato na eleição seguinte (2002), ocupando vários cargos de destaque na Assembleia Legislativa do Estado. Foi líder do então governo Jarbas Vasconcelos entre 2003 e 2006; liderou o PSDB na Casa entre 2006 e 2007 e presidiu e integrou diversas comissões da Assembleia.

Na Câmara dos Deputados, quando se elegeu para seu primeiro mandato de federal, em 2006, ocupou a primeira vice-liderança do PSDB na Casa no período de 2008 a 2009. Nos dois mandatos seguintes, atuou como vice-líder do partido e líder da minoria, quando em 2015 se licenciou do parlamento para assumir o Ministério das Cidades.

“Assumi o ministério das Cidades num momento difícil do país. Não podia deixar de, como ministro, ajudar o Brasil e de modo especial Pernambuco, levando bilhões de investimento em casas para os que mais precisam”, disse Bruno Araújo em recente entrevista a uma rádio do Estado.

Em sua gestão como ministro, foram mais de 20 mil moradias só para Pernambuco dentro do Minha Casa, Minha Vida (MCMV). Na ocasião em que Bruno assumiu o ministério, o programa estava paralisado e voltou às atividades graças ao trabalho do tucano.

Como ministro, na entrega de residenciais em Olinda com o prefeito Professor Lupércio

“Botamos o Minha Casa, Minha Vida para andar novamente e fizemos mais, levamos investimento em abastecimento d’água e em saneamento para dezenas de municípios. São mais de 90 cidades pernambucanas que foram ajudadas com meu trabalho como ministro. Recursos que viabilizamos inclusive para a Compesa (Companhia de Abastecimento do Estado) em obras de saneamento. Em sendo o senador mais jovem de Pernambuco, se essa for a vontade do povo, já carrego uma larga experiência política para ajudar meu Estado”, disse.

Bruno Araújo nasceu no Recife, em 1972. Casado com Maria Carolina, é pai de duas meninas, Maria Clara e Maria Beatriz. O tucano é formado em Direito pela Faculdade de Direito da Universidade Federal de Pernambuco.

Abaixo, algumas de suas principais iniciativas à frente do Ministério das Cidades:

Cerca de R$ 2 bilhões de reais investidos em Pernambuco de 2015-2018.

Mais de 80 municípios atendidos.

Criação do Programa Nacional de Regularização Fundiária (entrega de títulos de propriedade, escrituras)

Criação da Carteira de Motorista Digital (CNH Digital)

Habitação popular: casas para a população com renda família de até 1800 reais. Minha Casa Minha Vida.

Novas casas: 10 mil casas novas autorizadas para construção (algumas já em construção) Total: 600 milhões para habitação popular. Sendo: 3.460 na zona rural e 6.500 na área urbanas.

20 mil casas populares

Obras retomadas/Saneamento: PAC Cordeiro R$ 62 milhões em investimentos, 160 mil recifenses beneficiados.

Obras nos morros do Recife: 100 milhões para contenção de encostas

Mais de 3 mil títulos de posse entregues

Compartilhe!