Governador alerta para momento crítico de enfrentamento da pandemia no Rio Grande do Sul

Notícias - 02/07/2020

O governador Eduardo Leite reforçou o alerta à população de que as próximas duas semanas serão o período mais crítico do enfrentamento à pandemia no Rio Grande do Sul. Na manhã desta quinta-feira (02/7), ele divulgou vídeo pedindo aos gaúcho que intensifiquem os cuidados contra o coronavírus neste período de início do inverno.

A chegada do frio, que pode sobrecarregar o sistema de saúde, coincide com quase metade do Rio Grande do Sul (46% da população) sob bandeira vermelha, ou seja, com risco epidemiológico alto por estar com elevada ocupação hospitalar e propagação do vírus, conforme o modelo de Distanciamento Controlado.

“É fundamental que, nos próximos 15 dias, retomemos os níveis de isolamento intenso que observamos no início de abril. Vivíamos, naqueles dias, os primeiros movimentos de convivência com a doença. Agora, eu sei, estamos todos cansados, pois somos todos humanos, mas não é hora de desistir! Pelo contrário: diante do momento mais crítico, a nossa melhor resposta ainda é a persistência”, reforçou Leite.

O governador destacou os esforços realizados pelo governo até aqui, como a ampliação em 75% da capacidade de hospitalar – de 933 leitos UTI adulto SUS antes da pandemia, o total deve chegar a 1.630 nos próximos dias, contando os novos pedidos de habilitação –, a distribuição de respiradores e equipamentos de proteção e a transferência de recursos financeiros, inclusive com o apoio de outros Poderes, do governo federal e de parlamentares.

Leite agradeceu, ainda, pelos esforços empreendidos por empresas, instituições e toda a população, lamentando especialmente a perda de mais de 600 vidas, até aqui, além de empregos, aulas e projetos.


X
02/07/2020