PSDB-Mulher realiza seminário de capacitação para multiplicadoras; conteúdo será transformado em curso EAD

ITV - 04/11/2019

O PSDB-Mulher realizou, nos dias 31/10 e 01/11, o III Seminário de Capacitação – Gestão Municipal: Líderes Multiplicadoras em Destaque. A presidente nacional do segmento, Yeda Crusius, destacou o compromisso assumido por cada uma das 50 multiplicadoras tucanas das cinco regiões do país, terão pela frente: repassar o conhecimento recebido para as pré-candidatas dos 27 estados.

Para isso, o PSDB-Mulher está transformando o conteúdo dos treinamentos em um Curso de Ensino à Distância (EAD): assegurando que as cerca 12.000 candidatas que disputarão a eleição de 2020 tenham acesso à capacitação.

Parceria para capacitar
O curso foi realizado na capital paulista, com o apoio da presidente estadual do PSDB-Mulher de São Paulo, Edna Martins, é resultado de uma bem sucedida parceria com a Fundação Konrand Adenauer (KAS) e do Instituto Teotônio Vilela (ITV), que já dura mais de uma década.

O presidente do PSDB de São Paulo, Marco Vinholi, e o tesoureiro do PSDB Nacional, Cesar Gontijo, fizeram questão de prestigiar as mulheres tucanas durante o primeiro dia de curso.

Compartilhando experiências
Durante dois dias, foram ministradas oito aulas presenciais com especialistas em Comunicação Política, Marketing Eleitoral, Social Democracia e Municipalismo.

Foi um sucesso a mesa redonda entre a prefeita de Palmas (TO), Cinthia Ribeiro, e as ex-prefeitas Fátima Guimarães, que virou prefeita de Itajú (SP) aos 24 anos e governou a cidade quatro vezes, e Luiza Coppi, que só foi eleita prefeita de Camboriu (SC) após quatro derrotas, mas não desistiu de seu objetivo.

Case de sucesso
A vereadora de Piracicaba (SP) e diretora de Formação e Pesquisa do ITV, Nancy Thame, foi aplaudida de pé após compartilhar com as tucanas presentes o caminho que seguiu para fazer a diferença durante seu mandato, considerado um case de sucesso no município e no estado.

A vereadora de Piracicaba iniciou sua palestra identificando os desafios do pós-eleição. O primeiro deles é conhecer como funciona a Câmara de Vereadores e sugeriu que os eleitos priorizem ao longo do mandato pelo menos três bandeiras.

Teoria e prática
O doutor em Teoria Política pela Catholic University of America Gustavo Santos lembrou que um dos desafios da Social Democracia é a promoção da equidade entre grupos desfavorecidos e manter um olhas sobre a questão de gênero. E alertou: “A mulher não tem de virar homem para entrar na política”. Já o fundador e diretor da Oficina Municipal, José Mario Brasilense, falou sobre Municipalismo – Papel das Câmara Municipais e Prefeituras.

A consultora política nas áreas de marketing e planejamento, Gil Castillo, expôs os desafios que se apresentam para a inclusão das mulheres na política e compartilho cases pelo mundo afora. Ainda expôs as principais ferramentas para que cada uma tenha mais sucesso na sua comunicação digital antes, durante e depois da campanha eleitoral. A chave, segundo ela, é a comunicação permanente.

(*) Do PSDB-Mulher


X
04/11/2019